Abril id

SACAssineLoja
Revistas & Sites Apps Ofertas Últimas Notícias
Saúde
21/01/2009 - 11:36 (atualizada em 21/01/2009 11:39)

Conheça os principais tipos de aparelhos que corrigem problemas nos dentes

Opções são escolhidas pelos profissionais de acordo com cada problema; novos materiais permitem que aparelhos sejam bem mais discretos

Da Redação
Tamanho do textoA+A-
Cada vez mais adultos colocam aparelhos de dente
Cada vez mais adultos colocam aparelhos de dente

Usar aparelho para os dentes não é mais uma exclusividade de crianças e adolescentes há um bom tempo. Corrigir apinhamento, rotação dos dentes, mordida irregular e espaços também são possíveis na idade adulta, mesmo que leve um pouco mais de tempo. Afinal, os ossos estão desenvolvidos. Para compensar a demora, foram criados aparelhos bem mais discretos.

No entanto, não é possível chegar ao consultório de um dentista e simplesmente escolher qual tipo de aparelho você quer usar. “Cada método apresenta suas indicações. São diferentes armas para a solução do problema, e o profissional vai escolher qual a mais indicada”, afirma Flávio Miranda de Carvalho, consultor da Associação Brasileira de Odontologia (ABO).

Esta é uma das razões porque é preciso escolher muito bem o profissional que vai mexer nos seus dentes. Procure referências e pergunte às pessoas que já se trataram com ele o que acharam do serviço. Afinal, o uso de um aparelho provoca alteração na base óssea. E, por isso, pode deixar seqüelas quando indicado incorretamente. “A força aplicada de maneira inadequada pode abalar a raiz dos dentes”, afirma o professor de ortodontia Luís Ricardo de Paula.

Além disso, há a possibilidade de danos ao encaixe dentário, o que pode provocar dores nas articulações das mandíbulas. Sem falar em problemas de gengiva e até perda dos dentes. Por outro lado, o aparelho pode corrigir imperfeições que vão muito além de dentes tortos. “O movimento incorreto da mandíbula pode levar a dores atrás do ouvido, cefaléias e até interferir na respiração”, diz ele.

Cuidados com a higiene
Quem usa aparelho nos dentes precisa reforçar a higiene. Após as refeições, faça a escovação normal – os dentes superiores de cima para baixo e os inferiores de baixo para cima. Depois limpe cada acessório do aparelho e passe fio dental. Uma higiene precária pode aumentar as chances de cárie.

Tipos de aparelhos
A grande maioria dos aparelhos de metal é feito com uma liga de aço inoxidável.

Fixo metálico
Como é - Os braquetes de metal são colados na parte da frente dos dentes, por onde passa o fio corretor que trará os dentes para a posição correta. É o tipo mais baratos de todos e tem boa qualidade.

Vantagens - Além de ser o mais barato, é o que apresenta resultados rápidos – de um a três anos, em média.

Desvantagens - O sorriso metálico compromete o visual e é necessário redobrar os cuidados com a higiene.

Fixo com técnica lingual
Como é - Semelhante ao metálico, mas neste caso os braquetes são colados na face interna dos dentes, e por isso ficam invisíveis. Ele costuma incomodar, mas o formato é diferente do tradicional e não tem tantas pontas para evitar machucar tanto a língua.

Vantagens - O aparelho fica completamente invisível.

Desvantagens - Por ser interno, dificulta ainda mais os cuidados com a higiene e pode diminuir os movimentos da boca. Pode machucar a língua.

Manutenção - Quinzenal.

Fixo estético
Como é - Os braquetes são feitos com material que imita a cor do dente – só os fios são de metal. Os mais usados são os de porcelana, pois têm maior durabilidade maior e mancham menos. Os de resina geralmente são mais baratos, mas costumam manchar. Existe grande gama dessas opções, que variam muito de preço; por isso peça informações ao seu dentista.

Vantagens - É mais discreto – apenas os fios de metal aparecem.

Desvantagens - Alguns materiais amarelam com o tempo.

Manutenção - Quinzenal.

Invisalign
Como é – Uma placa de plástico transparente cobre os dentes inferiores e superiores. Com o auxílio de um programa de computador são confeccionados de 20 a 60 aparelhos que alinham os dentes progressivamente. Como um aparelho móvel, pode ser retirado para comer, beber e escovar os dentes.

Indicação – É mais usado em caso de pequenas correções.

Manutenção - Mensal.

Móvel
Como é - Feito com base acrílica, tem fios de aço modelados de acordo com o problema.

Vantagens - É possível tirar nas refeições e em ocasiões especiais.

Desvantagens - O tratamento costuma ser mais demorado – de três a cinco anos, em média.

*Com informações da ANA MARIA, VIVA! MAIS e ESTILO.

Ofertas

 

Assinaturas


Assine

AbrilSAC

Clube do Assinante

Grupo Abril


Sobre Abril

Fale Conosco

Trabalhe Conosco

Anuncie

Licensing

Classificados

Outros Sites


Loja Abril

iba

Brasil Post

Revistas e Sites

Vitrine de Ofertas