Arquivo

Textos com Etiquetas ‘sele’

Daniel Alves e Michel Bastos brigam por mesma lateral

Os laterais Michel Bastos e Daniel Alves, que podem brigar por uma posição na seleção brasileira, querem jogar. Independente da função e dos concorrentes, eles afirmaram, em entrevista coletiva, neste sábado, no CT do Atlético-PR, que querem se firmar entre os titulares de Dunga.

“O Daniel é um grande jogador, o Gilberto tem experiência e vai tentar dar o máximo. Mas se estou aqui tenho condições também. Quero estar entre os titulares, mas isso conseguirei mostrando meu trabalho”, afirmou Michel Bastos.

Já Daniel fala que o mais importante é estar no grupo da seleção, mas revela que não deixará de brigar em qualquer posição. “Me sinto cômodo na seleção brasileira, independentemente da posição em que eu atuar. O importante é fazer parte deste grupo que, com certeza, fará uma grande competição. Para mim dá no mesmo”, garantiu o jogador.

“Corte” de Adriano deixa Kaká como órfão do quadrado mágico


(Kaká foi quem sobrou do ‘quadrado mágico’ – foto: Reuters)

O “corte” de última hora de Adriano deixou o meia-atacante Kaká como único remanescente do “quadrado mágico” da Copa de 2006. A convocação de Dunga para o Mundial da África do Sul, nesta terça-feira, confirmou a reformulação pretendida assim que ele assumiu o cargo de técnico da seleção brasileira.

Dos demais integrantes do “quadrado mágico”, Adriano ficou fora por causa de seus seguidos problemas pessoais nos últimos meses. Enquanto Ronaldinho Gaúcho foi “cortado” pelo mau desempenho que teve com a camisa da seleção no ano passado, Ronaldo alimentou um pouco de esperança, mas que foi perdida com a má forma física.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com

O “quadrado mágico” foi uma das marcas da equipe de Carlos Alberto Parreira na Alemanha, O ex-treinador pretendia montar uma equipe de grande poder ofensivo, mas que não demonstrou o entrosamento necessário para engrenar no Mundial.

E a má forma física de jogadores como Ronaldo e Ronaldinho Gaúcho foi, na época, considerado um dos motivos pelo fracasso e pelo vexame da seleção. A equipe canarinho foi irregular na primeira fase e acabou eliminada nas quartas-de-final diante da França de Zidane ao perder por 1 a 0.

Só quatro jogadores titulares da Copa do Mundo de 2006 estão na lista de Dunga para o Mundial de 2010, na África do Sul. Os zagueiros Lúcio e Juan, o volante Gilberto Silva e o meia-atacante são os remanescentes da equipe que foi dirigida por Carlos Alberto Parreira.

O grupo brasileiro de 2006 ainda repetiu outros quatro nomes na convocação divulgada nesta terça-feira por Dunga. O goleiro Júlio César e o atacante Robinho eram reservas na época e ganharam vaga de titular. O lateral-esquerdo Gilberto e o zagueiro Luisão devem permanecer como opção no banco de reservas.

Alguns jogadores presentes em 2006 já nem reuniam chance de convocação. São os casos dos goleiros Dida e Rogério Ceni, do lateral Cafu, dos volantes Emerson, Zé Roberto e Mineiro e dos meias Juninho Pernambucano e Ricardinho.

Outros sete nomes teriam condições de serem lembrados e, em algum momento, demonstraram alguma esperança. São eles os laterais Roberto Carlos e Cicinho, o zagueiro Cris, o meia Ronaldinho Gaúcho e os atacantes Adriano, Fred e Ronaldo.

Adriano está fora da seleção; Gomes é a novidade na lista de Dunga


(Adriano foi preterido por Dunga na convocação final para a Copa – foto: Vipcomm)

Dunga convocou nesta terça-feira os 23 jogadores que vão tentar o hexacampeonato pelo Brasil na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. A grande surpresa fica por conta de Grafite, do Wolfsburg. O atacante ocupa a vaga de Adriano, do Flamengo, que vive má fase dentro e fora dos campos do Flamengo.

Ronaldinho Gaúcho, aclamado por grande parte do povo e da mídia, também acabou não chamado, assim como os garotos da Vila Belmiro, Paulo Henrique Ganso e Neymar.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com

Na zaga, a quarta vaga que era disputada por Thiago Silva, do Milan, e Miranda, do São Paulo, ficou com o atleta do time italiano. Kléberson, do Flamengo, acabou sendo confirmado apesar de toda a dúvida.

A lateral esquerda, que também era outra grande dúvida durante toda a trajetória de Dunga, será ocupada por Michel Bastos, do Lyon, e Gilberto, do Cruzeiro.

Os sete jogadores que completarão o grupo para eventuais problemas com contusão serão divulgados na parte da tarde desta terça-feira no site da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Confira a lista completa:

Goleiros
Júlio César – Internazionale de Milão (ITA)
Doni – Roma (ITA)
Gomes – Tottenham (ING)

Laterais
Maicon – Internazionale de Milão (ITA)
Daniel Alves – Barcelona (ESP)
Michel Bastos – Lyon (FRA)
Gilberto – Cruzeiro

Zagueiro

Lúcio – Internazionale de Milão (ITA)
Juan – Roma (ITA)
Luisão – Benfica (POR)
Thiago Silva – Milan (ITA)

Meio-campo
Gilberto Silva – Panathinaikos (GRE)
Felipe Melo – Juventus (ITA)
Josué – Wolfsburg (ALE)
Kléberson – Flamengo
Ramires – Benfica (POR)
Elano – Galatassaray (TUR)
Kaká – Real Madrid (ESP)
Júlio Baptista – Roma (ITA)

Atacantes

Luís Fabiano – Sevilla (ESP)
Robinho – Santos
Nilmar – Villarreal (ESP)
Grafite – Wolfsburg (ALE)

Gomes comemora convocação para o Mundial


Foto: Getty Images

Gomes foi ao lado de Grafite uma das grandes surpresas na convocação de Dunga. O goleiro do Tottenham, da Inglaterra, tirou o Victor, do Grêmio. O goleiro defenderá a seleção brasileira pela primeira vez na Copa do Mundo. 

“É sempre uma honra defender a Seleção Brasileira e estou muito emocionado par mais esta oportunidade. Ser convocado para a Copa do Mundo é um dos grandes feitos na carreira de um jogador e esta será a minha primeira”, explica Gomes, que conta com 23 convocações e foi campeão da Copa das Confederações em 2005 e 2009.

Gomes deve ser o terceiro goleiro, reserva de Júlio César, titular absoluto da meta brasileira e também da Internazionale de Milão, da Itália, e de Doni, que ocupa o banco de reservas também na Roma.

Perto da convocação, quem pode surpreender na seleção?

A convocação da seleção brasileira para a Copa do Mundo de 2010 está chegando, e Dunga mantém o discurso de “grupo fechado”. O trabalho realizado por ele nos últimos quatro anos serviu para definir a base que foi utilizada no último amistoso, em março, contra a Irlanda. Mas como elegeu jogadores que vêm sendo questionados, e o futebol brasileiro apresentou a ele novas opções neste ano, o Abril.com listou como estão as brigas finais para ir à Copa. Confira, então, quem pode cair do grupo, os favoritos a ganhar vaga de última hora e os que correm por fora.

ELES PODEM CAIR DA SELEÇÃO

Gilberto (Cruzeiro)
O lateral-esquerdo voltou à lista de Dunga na reta final da preparação para a Copa do Mundo. Mas porque o treinador ainda não se cansou de fazer testes no setor. A vaga de titular está encaminhada para Michel Bastos. Para a reserva, o cruzeirense parece ser o preferido, mas tem a concorrência de Kléber e André Santos. Como nenhum deles ainda convenceu o comandante, é possível até que Dunga leve só um jogador para a posição.

Kleberson (Flamengo)
É um jogador irregular e que ultimamente vive mais em baixa. No primeiro jogo do duelo contra o Corinthians, pela Libertadores, não foi nem relacionado para o banco de reservas. Na segunda partida, porém, entrou no segundo tempo e foi decisivo para a classificação do Flamengo. Tem a seu favor a experiência de já ter disputado uma Copa do Mundo, mas nunca foi uma figura constante nas convocações de Dunga. Para complicá-lo, joga em uma das posições mais fartas da seleção.

Adriano (Flamengo)
O problema dele é exclusivamente fora de campo. Mas que vem interferindo em seu desempenho. Neste ano, vem jogando pouco e já ficou fora de partidas decisivas. Na final da Taça Rio, por exemplo, perdeu um pênalti, selando o título do Botafogo. Tem a seu favor a jogada aérea e o vigor físico que não são encontrados em outros jogadores, mas o fato de viver problemas pessoais pode minar a confiança de Dunga, que está priorizando a disciplina no grupo.

OS FAVORITOS DE ÚLTIMA HORA

Paulo Henrique (Santos)
Roubou de Neymar o maior clamor do país para ser convocado para a seleção. Nas últimas semanas, o que mais se ouviu dele é a seguinte expressão: “joga muita bola”. Tem o estilo que não se encontra no grupo de Dunga pela categoria com a perna canhota e a facilidade de encontrar companheiros livres para fazer gols. Além disso, também já apresentou faro de goleador e dá grande contribuição à marcação em uma equipe que prioriza o jogo ofensivo.

Grafite (Wolfsburg-ALE)
Não está em seu auge. O melhor momento dele aconteceu na temporada 2008-2009, quando foi artilheiro do Campeonato Alemão. Ele já estava esquecido, quando foi convocado para enfrentar a Irlanda e entrou no segundo tempo. Mostrou que pode atuar como centroavante, servindo de pivô para os meio-campistas, e tem a versatilidade necessária para jogar com velocidade pelos lados do campo. Poderia beliscar a vaga de Adriano, que vive problemas pessoais.

Ronaldinho Gaúcho (Milan-ITA)
Depois de um grande clamor em torno de seu nome no início do ano por causa de grandes atuações e gols no Campeonato Italiano, perdeu espaço. Em parte, os culpados por isso são os “Meninos da Vila”. Mesmo assim, ainda briga por vaga por ter condições de atuar no ataque e no meio-campo. Ganhou força com a recente declaração de Pelé, que conversou com Dunga e disse que o jogador do Milan estaria à frente de Neymar na briga por vaga na seleção.

ELES ESTÃO CORRENDO POR FORA

Neymar (Santos)
O futebol apresentado por ele é indiscutível. É o principal goleador do futebol brasileiro, levou o Santos ao título de campeão paulista e já ganhou clamor nacional por sua convocação. Mas tem como aspecto negativo a pouca idade e a inexperiência no futebol internacional. Para complicar, joga em uma posição que parece já preenchida com Robinho e Nilmar. Caso Dunga precise de nova opção de velocidade pelos lados do campo, já demonstrou que o favorito para a vaga é

Diego Tardelli (Atlético-MG)
Está repetindo o bom momento que viveu no ano passado. Na época, foi convocado ao virar o principal goleador do futebol brasileiro, mas não emplacou. Ficou esquecido, mas, agora, voltou a seri o Tardelli de 2009. Foi decisivo na fase final do Campeonato Mineiro e no primeiro jogo contra o Santos nas quartas-de-final da Copa do Brasil. Tem bastante versatilidade, mas peca pelo vigor físico, uma característica essencial para Dunga eleger seu atacante reserva.

Lucas (Liverpool-ING)
Despontou para o futebol como uma das grandes promessas para o meio-de-campo. Na Europa, foi reserva até a temporada passada, pois tinha jogadores como Mascherano e Xabi Alonso como concorrentes. Agora, é titular da equipe inglesa e fez boas atuações neste ano. Não tem a preferência de Dunga, mas pode ser a escolha, se ele não apostar mais no futebol de Kleberson, que vem ocupando a reserva do Flamengo. O problema é que Lucas fracassou nas Olimpíadas de Pequim, em 2008.

Dunga deixa Ronaldinho à frente de Neymar, diz Pelé


(Neymar x Ronaldinho – fotos: Gazeta Press e Getty Images)

Eleito o melhor jogador do Campeonato Paulista e peça-chave no título conquistado pelo Santos, Neymar ficou para trás na briga por alguma vaga que ainda esteja pendente no grupo da seleção brasileira que disputará a Copa do Mundo de 2010. E Ronaldinho Gaúcho é quem supera o santista, segundo o ex-jogador Pelé.

Em entrevista ao jornal “Folha de s. Paulo”, o Rei do Futebol falou que escutou do próprio Dunga que Ronaldinho teria mais chance de de ser convocado do que Neymar. E por um motivo simples: a experiência do futebol internacional e de já ter disputado uma Copa do Mundo”.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com

“Se eu tiver que convocar alguém, acha que vou levar o Ronaldinho, que já disputou Copa do Mundo, ou o Neymar?”, disse Pelé, reproduzindo uma declaração do técnico da seleção brasileira.

Na entrevista ao jornal, Pelé também fala das justificativas de Dunga e afirma que, se Dunga fosse chamar Neymar, também teria de dar chance a outros jogadores do time santista. “O Wesley está jogando muito”, teria exemplificado Dunga a Pelé.

Neymar, porém, não é o único clamor nacional para integrar a seleção brasileira. O meia Paulo Henrique, que foi o principal jogador no último jogo do Paulistão (derrota por 3 a 2 para o Santo André), também já foi bastante pedido para Dunga levar para a seleção.

Dunga, por enquanto, ainda não falou se há chances de os santistas serem convocados. O técnico da seleção só declarou que o grupo está praticamente fechado e que a convocação do próximo dia 11 de maio não apresentará surpresas.

Destaque em decisão, Paulo Henrique se vê pronto para seleção


(Paulo Henrique, em gol contra o São Paulo – Foto: Gazeta Press)

Não só pelo passe, um calcanhar de primeira que deu origem ao segundo gol de Neymar, mas pela atitude em campo, elogiada principalmente pelo técnico Dorival Júnior, Paulo Henrique Ganso disse estar pronto para defender a seleção brasileira na Copa do Mundo. O meia foi um dos destaque do Santos durante todo o Campeonato Paulista e o principal nome da segunda partida da final, vencida pelo Santo André por 3 a 2, mas que não impediu o título santista.

Com passagem apagada pela seleção sub-20, que ficou com o vice-campeonato no último Mundial em 2009, perdendo a final para Gana, nos pênaltis, Paulo Henrique Ganso reconhece que faltou amadurecimento naquele momento.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com
Acompanhe o noticiário de Esportes pelo Twitter

“Por ser uma seleção sub-20 acho que acabei não levando muito a serio. Não sabia como era importante vestir a camisa da seleção, não tinha maturidade para estar lá. Mas agora acho que já estou mais maduro e pronto.”

Paulo Henrique Ganso acredita que amadureceu nos últimos meses em que foi dirigido por Dorival Júnior. “Aprendi não a marcar, mas a me posicionar melhor, fechar os espaços e roubar a bola para poder armar bem as jogadas.

Hoje [domingo] tive a felicidade para acertar um belo passe para um dos gols do Neymar e isto também foi fruto de amadurecimento e treinamento”, continuou.

Apesar de nutrir esperanças de estar na lista de convocados de Dunga, Paulo Henrique Ganso mantém os pés no chão, mas disse ter certeza que vai disputa uma Copa do Mundo na sua carreira. “Se não for agora, para esta Copa, tenho certeza de que será nas próximas. Tanto eu quanto o Neymar estaremos lá.”

Clamor por convocação de Neymar chega à Stock Car


(Losacco posa ao lado de seu carro estampando o pedido por Neymar – foto: Divulgação)

O clamor pela convocação de Neymar para a Copa do Mundo de 2010 atinge cada vez mais adeptos. Até na Stock Car, principal categoria do automobilismo brasileiro, o atacante do Santos virou moda. O responsável por isso é o piloto giuliano Losacco.

Duas vezes campeão da Stock Car, Losacco quer ver o craque santista na seleção brasileira e estampou o pedido em seu carro nos treinos desta quinta-feira. Em  uma faixa amarela na parte inferior do veículo, ele escreveu a mensagem: “Dunga, chama o Neymar”.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com
Acompanhe o noticiário de Esportes pelo Twitter

“Há muito tempo não aparecia um jogador tão impressionante como ele. Tem muita técnica, sabe tratar a bola como poucos e ainda por cima tem muita vontade, um desejo de moleque raro encontrar hoje em dia”, defende o piloto da Equipe Flash Power.

Neymar tem apenas 18 anos de idade, mas Losacco acha que a juventude do atacante também é um fator positivo. “Lembra o sufoco que foi para ganhar a Copa de 94? O Ronaldinho Fenômeno estava no banco com 17 anos e não jogou. Talvez, se o Parreira tivesse apostado de verdade nele durante o torneio, o tetracampeonato poderia ter sido um pouco mais fácil”, comentou.

“Então, essa história de que o Neymar é muito jovem para uma Copa do Mundo não tem cabimento. Só se o Dunga tomar coragem e convocar o menino é que a gente vai poder saber realmente o potencial dele. Chamando o Neymar agora poderia acelerar esse processo de amadurecimento para a próxima Copa do Mundo, a mesma coisa que foi feita com o Ronaldo. Se eu fosse o Dunga eu pensaria nisso com carinho.”

Mesmo distante do mundo do futebol, Losacco acredita que o clamor é válido em qualquer aspecto. “Neymar é o cara, não tem jeito de pensar em outro jogador para o Dunga chamar. E na Copa do Mundo o que interessa mesmo é a Seleção Brasileira, por isso acho que todo mundo tem direito de pedir a convocação dele. Aqui na Stock Car, no vôlei, no atletismo…”

Apesar do clamor em torno do atacante santista, a presença dele na lista de convocados é difícil. Dunga já falou que não pretende anunciar surpresas na convocação que será divulgada no dia 11 de maio.

Dorival: “Dunga, leve Neymar e Ganso de olhos fechados”

20, abril, 2010 2 comentários


(Neymar – Foto: Gazeta Press)

O clamor nacional pela convocação dos jovens Neymar e Paulo Henrique Ganso para a Copa do Mundo vai ganhando mais corpo. E na noite desta segunda-feira, os dois jogadores foram apoiados por quem realmente os conhece bem: o seu treinador, Dorival Júnior, que garantiu que o técnico Dunga não se arrependerá em levar a habilidosa dupla.

Em entrevista ao programa “Bem Amigos”, do canal Sportv, Dorival foi perguntado se Dunga poderia ter algum tipo de complicação ao levar o meia e o atacante para o Mundial da África do Sul, depois do técnico afirmar outra vez que as chances disso acontecer são remotas.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com

“Eu tenho certeza que ele não teria problema. Essa colocação do Dunga não tenho dúvidas que é muito em relação deles não terem tido uma oportunidade (na seleção), dele (Dunga) poder estar observando o comportamento dos dois jogadores. Mas são jogadores diferentes”, afirmou o técnico santista.

Dorival ainda foi enfático e sucinto quando perguntado sobre o que falaria para Dunga sobre a possível convocação. “(Convoque) de olhos fechados, leve os dois”, afirmou. “Mas concordo com o que o Joel (Santana, presente no programa) colocou, é uma situação difícil para quem convoca, em razão de não ter experimentado”, explicou o comandante do Santos. (Fonte: Gazeta Press)

Victor crê em disputa com Gomes e Doni por vaga na Copa


(Foto: Gazeta Press)

A Copa do Mundo está chegando. O suspense para saber os convocados de Dunga aumenta. Entre os ansiosos está o goleiro Victor, do Grêmio. Com Júlio César sendo o dono da camisa 1, restam duas vagas para arqueiros na relação do treinador. Um dos postulantes é o gremista, destaque neste fim de semana no site da Fifa. Ao lado de Gomes, do Tottenham, e Doni, da Roma, ele disputa um lugar para ir à África do Sul.

“A disputa deve ficar entre esses três mesmo, talvez com um ou outro correndo por fora. Estou trabalhando para ser chamado, mas ele (Dunga) tem suas opções e claro que vou respeitá-las. Estou pronto, preparado e vou ficar muito feliz se a oportunidade vier. Agora é só controlar a ansiedade”, comentou o goleiro no site da entidade máxima do futebol.

Leia mais notícias de Esportes no Abril.com

Victor chegou ao Tricolor vivendo momentos difíceis. Em sua cabeça ainda estava o rebaixamento do Paulista para a Série C do Campeonato Brasileiro. Meses depois, ele foi eleito o melhor goleiro da elite do futebol nacional. “O futebol é bacana por causa disso, por te permitir essas ascensões rápidas. Mostra que o trabalho foi bem feito”, falou.

As boas atuações logo lhe renderam uma vaga entre os convocados de Dunga. “No dia, quando cheguei ao treino, o primeiro a me contar foi o segurança do clube. Depois muita gente me ligou para dar parabéns, minha noiva e minha mãe choraram”. Apesar de ter sido chamado, Victor ainda não atuou uma partida sequer com a camisa da seleção, mas é nome forte para a lista dos 23 a ser anunciada no começo de maio. (Fonte: Gazeta Press)